Heineken adiará investimento no Brasil após imposto mais alto

A Heineken, sediada na Holanda, é a quarta maior cervejaria no Brasil. Foto: Revista Exame

A Heineken, a terceira maior cervejaria do mundo, vai adiar os investimentos no Brasil depois que o governo aumentou os impostos sobre a cerveja, disse a Agência Estado neste sábado, 07 de julho.

Um aumento nos impostos sobre a cerveja para quase 21 por cento, contra os 17 por cento atuais, a partir de outubro, vai prejudicar a Heineken e outras empresas que fazem cerveja no Brasil.

As cervejarias já estão sofrendo de custos crescentes devido a uma diminuição no valor da moeda brasileira frente ao dólar, disse a agência, citando Paulo Macedo, vice-presidente de Relações Corporativas da Heineken Brasil. Cerca de 60 por cento dos custos das cervejarias brasileiras são em dólar porque elas precisam importar matéria-prima.

Macedo não quis dizer quanto a Heineken pretendia investir no Brasil este ano, mas disse à Agência Estado que a indústria da bebidas frias planejava 7,9 bilhões de reais em investimentos.

Informações de Revista Exame.

Anúncios

Sobre Adriane Bainy

Pesquisadora do Observatório de Prospecção e Difusão de Tecnologia da Federação das Indústrias do Estado do Paraná – FIEP
Esse post foi publicado em Economia e Negócios, Indústria Agroalimentar / Agronegócios e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s